LUTO…#forçachape

luuAvião que transportava a delegação da Chapecoense a Medellín, na Colômbia, para o jogo de ida da final da Copa Sul-Americana, contra o Atlético Nacional, que aconteceria nesta quarta-feira (30) cai e o Brasil fica em luto no maior acidente envolvendo uma equipe desportiva.

Nomes consagrados no futebol como Cleber Santana, Bruno Rangel e o técnico Caio Júnior são umas das vítimas do acidente. Fontes oficiais colombianas informam haver 71 mortos. As autoridades confirmaram seis sobreviventes: os jogadores Follmann, Neto e Alan Ruschel, o jornalista Rafael Henzel e os tripulantes Ximena Suárez e Erwin Tumiri.

Nomes expressivos da imprensa esportiva brasileira, Victorino Chermont , Paulo Clement, Mário Sérgio e Deva Pascovicci todos da Fox Sports, estão entre as vitimas.